Receita da Semana: Risoto de Palmito

Em um dos fins de semana que fomos para Juquehy, além de ter feito um salmão delicioso que já postei, para acompanhar eu fiz um risoto de palmito que é bem neutro e agrada a todos os gostos, né?

Além de dar uma boa porção para cada um, o Risoto de Palmito é super fácil, até porque os ingredientes são fáceis de encontrar em qualquer mercado. A receita eu consegui no site Tudo Gostoso do Uol.

Olhem como foi o passo a passo:

DSC_0212

DSC_0195

DSC_0203

DSC_0210

Gostaram da receita?

É ideal para fazer para uma turma, fácil e rápido.

Receita da Semana: Salmão

Em um dos últimos fins de semana de dezembro, eu e o fiancée fomos para Juquehy com uma turma de amigos. Como gostamos de nos aventurar na cozinha juntos, resolvemos fazer uma receita deliciosa e super leve, Filé de Salmão com Batatas ao Forno. Para acompanhar, fizemos um risoto de palmito, mas essa receita fica para um próximo post, rs .

Essa receita é bem simples de fazer, apesar de ser demorada já que o salmão tem que ficar de molho no tempero por mais ou menos 1 hora. Uma dica, cuidado com o forno que forem usar, como nós não tínhamos intimidade com o da casa, acabou queimando um pouco das batatas, rs!

A receita e o modo de preparo vou colocar no final do post.

Olhem algumas fotos do passo a passo:

DSC_0169

DSC_0179

DSC_0181

DSC_0188

DSC_0215

DSC_0216

Viram como queimou um lado das batastas, hahaha!

Fica uma delíciiiiiia, além de ser super saudável.

Espero que tenham gostado.

Segue a receita:

5 batatas cortadas em cubo;

3 cebolas;

500g salmão;

azeite;

4 limões;

pimenta do reino a gosto;

sal a gosto;

Modo de preparo: Primeiro prepare o tempero, coloque em uma travessa o suco de 4 limões, azeite, sal e pimenta do reino a gosto. Em seguida, coloque o filé de salmão dentro da travessa umedecendo ambos os lados no tempero. Depois, deixe marinar por 45 min/1 hr. Passado esse tempo, em travessa separada, coloque as batatas cortadas em cubo e as cebolas …… Por cima das batatas, despeje 2 colheres de sopa de azeite e mexa com a mão para que o azeite se misture. Retire o salmão do tempero e coloque por cima das batatas. Despeje apenas um pouco (bem pouco mesmo) desse tempero em cima do salmão. Envolva a travessa com papel alumínio e leve ao forno por cerca de 45 min a 200 graus

Deixe os últimos 10 minutos sem o papel alumínio para que doure um pouco mais.

Receita da Semana: Musse de Pêssego

No fim de semana o calor estava insuportável, assim como todos os dias de verão, né?! Como eu estava querendo comer um doce bem gostoso, não queria nada que fosse muito pesado ou melado, por isso tive a ideia de procurar alguma musse bem refrescante.

Depois de tanto procurar, escolhi uma musse de pêssego rápida e super fácil de fazer. Consegui a receita no M de Mulher, site com várias receitas bacanas e práticas.

Olhem algumas fotos do passo a passo:

DSC_0632

DSC_0637

DSC_0634

DSC_0639

DSC_0635

DSC_0642

DSC_0651

Gostaram da receita?

Qual musse vocês mais gostam?

Comendo em São Paulo – Ohka

Ontem fui jantar com uma amiga no Ohka, restaurante japonês no Itaim Bibi. Ele é super famoso pela sua variedade de peixes e pratos bem exóticos. O lugar tem arquitetura moderna com ambiente escuro e em tons de vermelho. Eu morria de vontade conhecer, agora que já fui, posso dizer que está aprovadíssimo!!!

O forte do cardápio do Ohka (flor de cerejeira, em japonês), é a cozinha fria, tradicional japonesa sem nada de maionese nem cream cheese. Há uma enorme variedade de peixes e frutos do mar servidos em duplas de sushi, como o saba toro (barriga gorda de cavalinha – SENSACIONAL), buri, robalo, serra, enguia e vieira e em sashimi.

Além de todas essas delícias ainda tem alguns complementos como foie gras e azeite trufado (o carpaccio de barriga de salmão com azeite trufado e limão siciliano é demaaais!).

Olhem algumas fotos de lá:

OHKA 1

OHKA 2

OHKA 3

OHKA 4

OHKA 5

Eu sou suspeita para falar de restaurante japonês, já que eu amo essa culinária, mas o Ohka superou minhas expectivas.

Eu AMEEEI. Vale muito a pena conhecer. Para vocês terem ideia de como é bom, ontem sgunda feira estava lotado.

Ohka: R. Professor Carlos de Carvalho, 105, Itaim Bibi, 3078-3979.

Vocês gostam de restaurante japonês?

Já foram no Ohka?

Receita da Semana: Bacalhau

Finalmente as receitas voltaram!!!! Eeeeee.

Alguns fins de semana atrás, o Ricardo (fiancée) tirou algumas fotos de uma receita que é a especialidade do pai dele, o Bacalhau. Como eles têm ascendência espanhola, os frutos do mar imperam na casa, e eu como adoroooo peixe sempre como MUITO!

Tudo bem que essa receita não fui eu que fiz, mas vale a intenção, já que é uma receita fácil e faz toda a pompa em qualquer ocasião. Ainda mais agora, nessa época de fim de ano e festas, se você quiser impressionar a família, essa receita é uma ótima dica.

Olhem só:

bacalhau 1

DSC_0362

bacalhau 2

bacalhau 3

DSC_0383

DSC_0406

DSC_0411

Segue a receita:

1 kg de bacalhau em posta

1 pimentão vermelho 1 amarelo 1 verde

15 vagens

1 maço de brócolis

3 cebolas

20 tomates cereja

4 alhos

2 xicaras de azeite

sal a gosto

3 pimentas dedo de moça in natura BEM picada

Modo de preparo:

Antes de começar a receita, primeiro você coloca água para ferver, depois que tiver bem fervida coloque as postas e, em seguida, desligue o fogo. Deixar descansando por 5 min.

Depois tire da água, e em outra panela, coloque o azeite e refogue o alho. Coloque os  pimentões picado, a cebola, a vagem também cortada e a pimenta. Fique mexendo por 3 minutos e coloque o bacalhau. Mexa bem até a posta ir se desmanchando. Por último, ponha o brócolis, os tomates cereja e sal a gosto. Deixe refogando por 10 minutos em fogo baixo. Depois é só montar em uma travessa e está pronto para servir. Hummmm que fome.

Gostaram da receita?

Vale MUITO a pena fazer, é uma delíííciaaaa!!!

Comendo em Orlando – Benihana

Hoje quero falar de um restaurante EXCELENTE em Orlando, o Benihana. Sempre que vou a Orlando, vou jantar por lá. A especialidade dele é a comida japonesa, que é muito boa, além de ter várias outras opções no cardápio como carnes, frangos.

Para quem não conhece, vale a pena reservar a mesa que tem a chapa no centro, pois você terá um chef a sua disposição para fazer o jantar, além de assistir aos malabarismo feitos com os ingredientes, é um show a parte. Eu adoroooo lá.

´Quem quiser conhecer, não precisa ir até os Estados Unidos, o Benihana também terá uma filial aqui em São Paulo com abertura prevista para começo de Dezembro.

Algumas fotos para deixar vocês com vontade de conhecer:

Essa é a mesa com a chapa. Para conseguir sentar aqui é preciso fazer reserva.

Essa sopa de champignon e cebola é uma delííícia.

A salada tem um tempero agridoce muito gostoso.

Essa é uma das “graças” feitas pelo chefe. Ele faz uma flor com o arroz. Alias, é um dos melhores pratos esse arroz frito. Hummmm que fome!!!

Para entrar no clima de Orlando, um Mickey.

Um snowman feito com a cebola.

Demaais, né?!

Vale muito a pena conhecer. Tem em vários pontos dos Estados Unidos. O único que eu não recomendo é o de Las Vegas, pois não fui bem atendida lá e acomida não estava tão boa como eu sei que é.

Gostaram? Alguém já foi?

Comendo em Miami – Juvia

Sei que faz um bom tempo que não coloco alguma receita, mas vou compensar dando dicas de restaurantes, mas prometo que vou voltar a colocá-las toda semana.

Hoje a dica é de um restaurante delicioso em Miami chamado Juvia. A comida é excelente e a vista de tirar o fôlego de tão linda. O lugar é super agradável, a noite tem um DJ que toca durante o jantar. É imprescindível que faça reserva para no número certo de pessoas e ainda escolha se quer mesa “inside” ou “outside”.

As escolhas do jantar foram: para entrada o Ceviche de Polvo e um Carpaccio. Como prato principal eu escolhi um peixe com palmito e abobrinha agridoce, estava SENSACIONAL. Já o restante da familia ficou com o filé de carne e alguns acompanhamentos. Não tirei foto dos pratos, mas consegui algumas fotos da net, já que as minha estão um pouco escuras, porque fui a noite.

Agora algumas fotos que eu tirei:

Gostaram da dica desse restaurante?

Alguém já foi?

Vale MUITO a pena ir.

Comendo em São Paulo – La Tambouille

Aproveitando que temos um feriado vindo por aí (#delicia), nada mais gostoso do que fazer programas que envolvam comida, certo?! Ainda mais se a previsão para o feriado for de chuva.

Hoje a dica é de um restaurante DELICIOSO em São Paulo, o La Tambouille. Ele é um dos restaurantes mais tradicionais e bem frequentados  de São Paulo, seus pratos são refinados e muito saborosos. Há uma diversidade imensa de pratos, cada uma mais gostoso que o outro.

Fui jantar com minha família lá tem 2 semanas para comemorar o aniverário do meu pai. Olhem algumas fotos de lá:

Linda a capa do menu

Adoro essa água.

O couvert é DELICIOSO, vale a pena!!!

Crteme de aspargos

Esse foi o meu prato. Comi MUITOOO, estava muito bom. O recheio era com queijo brie (AMO)

Risoto de frutos do amr

Esse foi a escolha do meu irmão.

Meu pai escolheu esse prato de lagostim com abrobrinha. Além de delicioso, a montagem é LINDA.

Eu recomendo MUITO!!

Vale a pena ir e conferir essas delicias.

Dica: Como ele vive cheio, vale a pena fazer reserva.